Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SEMPRE A AMAREI

SEMPRE A AMAREI

EM NADA DEU TUDO.
ESGOTAM-SE AS PALAVRAS
AINDA NÃO PENSO NO FUTURO,
E NO PRESENTE TENHO LÁGRIMAS.

ELA EU NÃO CONQUISTEI.
É COMO DEVERIA SER
TUDO AO SEU JEITO
O LAÇO QUE NÃO FORA FEITO,
DESTA VEZ, SE DESFEZ.

MEU CORAÇÃO RECLAMA
PELO QUE NÃO TEVE,
AMOR E BEIJOS DA DAMA,
QUE LONGE AO LADO SEMPRE ESTEVE.

FALO DE MODO CONFUSO
NÃO QUERO DIZER O QUE SINTO
NAS LINHAS SEMPRE TRAGO,
O VERÍDICO QUE PARECE FALSO
E A VERDADE QUANDO MINTO.

CONDIÇÃO DO SER HUMANO,
É ESTAR SUSCETÍVEL A ERROS.
POR ERRAR TANTO NESSES ANOS
O ÚNICO FERIDO FOI EU MESMO.

MACHUQUEI-ME POR DENTRO.
ISTO TRANSPARECE AGORA.
PIOR É QUEM EM VÃO FOI HIPOCRISIA,
POIS TODOS JÁ SABIAM
QUEM ESTE MÍSERO SER ADORA.

SIM, A PRINCESA
PARA MIM, ANTES JÁ ERA,
SEMPRE DESEJEI TÊ-LA,
SIM, A MAIS BELA DAS BELAS.

LAMENTO PELO TEMPO,
QUE AO PASSADO FAZ PARTE,
QUANDO SEMPRE ESTIVE PERTO,
QUANDO TODO MOMENTO ERA INCERTO
PARA DIZER – SEMPRE VOU AMAR-TE.

                  FERNANDES OLIVEIRA

http://casadopoeta.ning.com
POETAFERNANDES
Enviado por POETAFERNANDES em 07/06/2006
Reeditado em 18/09/2010
Código do texto: T170867
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
POETAFERNANDES
Praia Grande - São Paulo - Brasil
128 textos (4834 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 19:39)
POETAFERNANDES