Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PAIXÃO

Entrei em tua casa
Virei tua mesa
Bebi teu veneno
E me abri como uma rosa
Chamaste-me de menina
De menina mulher.
Era um jogo
Um fogo
Que queimava
Que ardia
E inteira eu me perdia
Nessa paixão louca
Doentia
E atrevida  me entregava
Inconsequente
Pelo prazer
De estar assim largada
Em teus braços e abraços
Em teus beijos
Em tua cama
Em teu espaço.
angela soeiro
Enviado por angela soeiro em 08/06/2006
Código do texto: T171420
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
angela soeiro
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 52 anos
88 textos (3359 leituras)
1 e-livros (36 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 18:23)
angela soeiro