Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Estou morrendo de vontade de você

É mais um amanhecer e eu aqui a
Esperar, que você venha me ligar.
Contando os momentos que passa,
Começo a trabalhar.

Minha mente é invadida por pensamentos
Lindos, absurdos.
Abraço-te, beijo-te, com forte desejo
De te amar.

Consigo com o coração te enxergar.

E no embalar de tanta emoção
Sinto que tenho em minhas mãos a mulher
Tão desejada, querida e amada
Que causa-me emoção.

Percorre o meu corpo uma gostosa vibração.

Sem medo confesso-te segredo do meu
Coração.
E no ato dessa embolação juras
De amor trocamos então.

Tendo o corpo suado, por esse amor,
Desejado.
Entrego-me aos seus beijos com muitos
Desejos.
E o gosto de estar perdendo a razão.

Lindo nosso momento de amor que
Acontece aqui.
Estou como a flutuar.
É o nosso amor que explode no ar.

Nesse instante marcante, delirante
Por te Amar.

Delicio - me por ti vê agitada
Então, com tanta empolgação.
No delirar, você me abraça
Pois ainda tens amor para dar.

Vem amor, encosta em meu peito para descansar.

E no afagar de suas mãos que estão
A me acalmar rogo-te de mim não se
Afastar.
E com um beijo satisfaz o meu desejo
Prometendo sempre me amar.

Num suspiro de amor de quem se acalma
E do prazer desfrutou, se alegra como um
Infante, num suspiro delirante.
Ponho-me a sorrir esperando você vir

Para eu te dizer:

Estou morrendo de vontade de você

Jayme Landell

Landell
Enviado por Landell em 08/06/2006
Reeditado em 12/04/2008
Código do texto: T171487
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Landell
São Paulo - São Paulo - Brasil, 58 anos
88 textos (7936 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 00:09)
Landell