Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poema 0718 - Quero




Quero que seja meu sonho, mesmo se apenas for sonho,
que me digas palavras de amor,
peça o que quiser depois de cada beijo,
não acorde agora, o amor não termina no fim da tarde.


Quero que me ajude a sorrir mais vezes,
talvez até sentir um pouco de ciúmes,
mas me cuida, mesmo se for sonho, deixa-me sonhar,
existem coisas que não se explicam, uma é te amar.


Quero os abraços mais fortes que puder,
aqueles olhares mais ou menos fixos quando brava,
também quero deitá-la no colo por algum tempo,
e deixá-la sonhar, pode ser meus sonhos, te empresto.


Quero muito este amor, desejo demais ás vezes,
não sei sonhar devagar, pouco, preciso ser exagerado,
invadir seu mundo, seu corpo, desvestir d'outro amor,
não sei se a palavra está correta, te quero nua e minha.


Quero estar mesmo separado, amando-a, que seja sonho,
não importa outros amores, outras paixões,
não importa mais nenhum sonho que não tenha você e eu,
espero o sim, todos os sin(s) e quem sabe um ''te amo''.


09/06/2006



Caio Lucas
Enviado por Caio Lucas em 09/06/2006
Código do texto: T172285
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Caio Lucas
São Paulo - São Paulo - Brasil, 68 anos
4429 textos (116251 leituras)
1 e-livros (166 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 15:24)
Caio Lucas