Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Intensidade


  Sorve-me como se eu fosse matéria liquida,
  transparente,inodora e escoregadia.
  Sinta-me como se eu fosse leve,suave
  E refrescante brisa da manhã.

  Viva-me como se eu fosse a respiração
  Lenta e tranquila no momento do sono
  E que se torna pesada,rápida e ofegante
  No supremo momento do êxtase.

  Acolhe-me no teu colo suave e deixa-me tocar
  A aureola rosa do teu mamilo entumescido
  Desperta um sentimento escondido
  Mata meu desejo de te amar.

  Misture-se nesse emaranhado de sensações
  Que inevitavelmente nos leva a atos impudicos
  Atos selvagens que devoram emoções
  Mas que nos dão a oportunidade de viver
  E assim caímos lado a lado embevecidos de prazer.
jocimar linhares
Enviado por jocimar linhares em 10/06/2006
Código do texto: T173030
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor eo link para o site ' www.recantodasletras.com.br/autores/linhares). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
jocimar linhares
São Luís - Maranhão - Brasil
126 textos (10690 leituras)
1 áudios (219 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 17:05)
jocimar linhares