Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AMARgo café quente

AMARgo é o café quente
sem açúcar
sem fantasias

AMArgura pura
Aos poucos, vai perdendo
Sabor

Os sentidos me enganam
Logo sinto o doce
Imaginário, alucinógeno e vertiginoso
Falso

Como é tão difícil
AMARgo
Amar-te
Ah! Mar fumegante!
Bobo da Morte
Enviado por Bobo da Morte em 11/06/2006
Código do texto: T173742

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Bobo da Morte
Maringá - Paraná - Brasil, 29 anos
55 textos (2818 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 10:50)
Bobo da Morte