Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Nada Mudou...

Aparti do  momento em que tomei a decisão,
de me afastar de você na esperança louca
de quem não aguenta mais sofrer em vão.
Agarrei-me na certeza que tudo iria mudar
que o "nosso" para sempre, seria diluido
no tempo, levado pelo vento da desilusão.
Mas agora eu vejo, nada mudou, e o
meu coração está tão apertado quanto
antes quando já se sufocava a espera dos seus braços.
E as lágrimas continuam rolando na mesma
velocidade das águas dos rios que  correm
com o  desejo de se encontrarem com o mar.

Os sonhos estão bem mas frequentes,
agora sonho todas as noites com nosso
reencontro, com seu abraço e seu beijo.
Como queria que tudo tivesse mudado,
As janelas não se abriram ao fechar das portas.
Nem uma nova luz brilhou no fim do tunel.
Só o amor que se trancou dentro do meu peito,
me mostrando que com você meu sofrimento
tinha pelo menos as cores da esperança.
Janaina Gama
Enviado por Janaina Gama em 12/06/2006
Reeditado em 24/09/2009
Código do texto: T174274

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Janaina Gama
Brasília - Distrito Federal - Brasil, 39 anos
140 textos (6197 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 15:14)
Janaina Gama