Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DESASSOSSEGO


Despretensiosamente procurei você
Desprovida de qualquer interesse
Mas veja só mesmo assim o quê,
Me preparou o destino sem que eu percebesse


Fez de você, minha razão de viver,
Num amor que tomou conta de meu coração,
E mesmo sem eu querer
Se alojou lá no fundo e não sai mais não


Agora nem sei o que posso fazer
Com esse desassossego que tomou conta de mim
Só vivo se você viver
Nunca vi paixão tão grande assim!


Minha vida que era tão tranqüila
Passou a ser uma grande tempestade,
Mas mesmo assim, quero você em minha vida
Pois se partir, vou morrer de tanta saudade!



Vitória-ES
Baby
Enviado por Baby em 13/06/2006
Código do texto: T174777
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Baby
Vitória - Espírito Santo - Brasil
587 textos (21960 leituras)
2 e-livros (177 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 12:55)
Baby