Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AMOR, EU AMO VOCÊ

eu amo você...
E você não me ama!
Jamais nós voltaremos,
A conjugar o verbo amar
No plural:
_ Nós nos amamos!
Você é como o vício,
Que se apoderou do meu corpo,
Placidamente...
Você chegou,
Eu, não percebi.
Quando meus sentidos
Adquiriram consciência,
Estava emaranhada nas suas teias,
(seus braços),
Que se atavam, em liames no meu corpo,
Nas cândidas madrugadas.
Tantas promessas...
Tantos sonhos...
Que formam, agora, apenas,
Pedaços de um relicário
De coisas antigas, esquecidas, no tempo.
você não ficou.
Içou a âncora de seu barco.
Seguiu viagem em direção
A outros portos.
Não permaneceu, nem um minuto há mais...
Sua pessoa desvaneceu-se
Como a bruma que se desfaz,
Ante o esplendor do sol
Que renasce a cada manhã.
Seu abraço, seu beijo,
Sua imagem... Eles ficaram...
A macular minha existência
Como as manchas amareladas
Do fumo, que tenho às mãos.
Você!
É meu vício,
Meu eterno amor,
O qual, eu não consigo esquecer



Denise Severgnini
Enviado por Denise Severgnini em 16/06/2006
Código do texto: T176653

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (Denise de Souza Severgnini http://www.denisesevergnini.recantodasletras.com.br) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Denise Severgnini
Novo Hamburgo - Rio Grande do Sul - Brasil, 57 anos
11345 textos (916754 leituras)
16 áudios (8882 audições)
311 e-livros (34110 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 22:06)
Denise Severgnini