Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Nossas horas de amor

Ah...nossas horas de amor...
sinto você, seu toque, tua péle, teu perfume...
embreaga-me...
Tuas mãos  percorrem
meu corpo estremece
com cada dedo seu teclando como se eu fosse um piano
e você o músico a dedilhar notas de amor
tirando-me sons loucos e frenéticos...
Ah ...nosso amor bandido, louco alucinado,
amor falado,cantado
isntigado amor...
Onde tudo que desejamos é ser um em um somente...ser!
amor de primeira
amor docemente
amor sem fronteira
amor eternamente
Amor de verdade
com toda nossa maldade.
Amor em êxtase com suas mãos afoitas...
e meus gritos de prazer
Você...loucamente
ama-me somente
num alucinado querer...
Amor dedilhado,
nun doce bailado...toque e prazer.
Libera-me o corpo...
num grito de amor..eu, amor e você
Abala-me a alma...da-me agora tua calma,
deixa-me adormecer...
Assim bem juntinhos com eterno carinho,
amor, eu e você...
e nesse nosso amor... me perder!

Esse poema foi parceria e sugestão do meu querido poeta Tonydicapri, beijo.

Cláudia
lindamulher
Enviado por lindamulher em 17/06/2006
Reeditado em 17/06/2006
Código do texto: T177254
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cláudia Aparecida Franco de Oliveira). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
lindamulher
Itirapina - São Paulo - Brasil, 57 anos
1582 textos (129591 leituras)
3 áudios (322 audições)
4 e-livros (303 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 14:33)
lindamulher