Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

OLHOS DE GATA

diz-me ELA: "com muito gelo, sirva-me uísque!
ou, aí do seu caderno o meu Nome, já, risque!"

me fala ELA: "não, não! quero uma vodca pura!"
jogo fora o gelo, por ELA meu Amor tudo atura;

grita de repente ELA: "pára, pára! muda pro rum!
e veja do mais barato, q'eu estou sem nenhum!"

uísque, vodca, rum, eu é que já vou ficar grogue,
mas, com isto talvez minhas mágoas eu afogue!

"hummmmm" diz ELA: "acho que vou prá tequila!",
porém do jeito que vai eu é que vou ficar sem pila;

ELA tá em plena campanha prá ver se me amanha,
me olha c'olhos de gata, e me ordena champanha;

pô! onde irei eu arrumar uma Moglie desse calibre?
escondo o champagne, e sirvo-Lhe uma cuba libre!

Moacir et Selena 2005
brilhe a vossa LUZ!

porque esta noite me apareceu um anjo do Deus
de quem eu sou e a quem sirvo

(Atos 27:23)
Moacir et Selena
Enviado por Moacir et Selena em 17/06/2006
Código do texto: T177469

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome dos autores e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Moacir et Selena
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 74 anos
736 textos (71198 leituras)
8 áudios (1059 audições)
5 e-livros (2339 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 23:43)
Moacir et Selena

Site do Escritor