Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Medo!

Querida,palavras se alinham para dizer-te,
Que em meu peito há amor!
Alinham-se para confirmar-te,
Que por detráz de meu mau jeito,
Há alguém louco para te amar!
Querida quero testemunhar-te,
Que por detráz de meus esforços timidos,
Existe um desejo de louvar-te!
Queria querida falar-te, tudo isso...
Mas há em mim um medo,
Temo que possas evaporar-se,
esquecendo-me,
E de mim só lembrando,
Quando no tempo eu já estiver morrendo!
E nem tenhamos mais tempo
para nos amarmos!
Tenho no peito amor e medo,
em mim ecoando, ecoando,
quanto tempo ainda ficarei te querendo,
quanto tempo passarei te amando,
sem que você se aperceba de meus sentimentos,
e momentos preciosos vamos perdendo...
Com este amor que não se declara,
com este desejo que não se consuma!

31/12/84
Edvaldo Rosa
Enviado por Edvaldo Rosa em 18/06/2006
Código do texto: T177628
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Edvaldo Rosa www.sacpaixao.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Edvaldo Rosa
São Paulo - São Paulo - Brasil, 55 anos
1727 textos (173751 leituras)
23 áudios (10647 audições)
35 e-livros (8978 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 05:53)
Edvaldo Rosa

Site do Escritor