Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

VENTO ERRANTE


Você é como o vento
Frívolo, inconstante e sem temor
Às vezes, brisa de momento,
Noutras tantas, furacão arrasador

Fica ao meu redor como redemoinho,
Enrolado ao meu corpo com ardor,
Me cobre de perfume e de carinho
Depois se afasta, sem o menor pudor

Visita outras verdejantes campinas
Que o recebem com o mesmo calor,
Leva-lhes frescor, mas de repente, como ave de rapina
Dá-lhes as costas com o mesmo furor...

Ah! Vento... Vento... Vento...
Pudera eu, prender-lhe em dourada gaiola
Assim quem sabe, cessaria esse meu tormento
E você nunca mais iria embora...




Vitória-ES
Baby
Enviado por Baby em 20/06/2006
Código do texto: T179027
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Baby
Vitória - Espírito Santo - Brasil
587 textos (21960 leituras)
2 e-livros (177 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 05:50)
Baby