Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mano a Mano


 
Saimos pela noite afora
cansados de nossa desdita
cada qual para um lado diferente
a buscar outras guaridas
 
Chegamos ao momento
em que nada mais importa
em que nossas vidas se separaram
e que nunca haverá mais volta
 
Olhei teus olhos vermelhos
da tua boca sairam palavras cruéis
sei que estais a mentir certamente
sobre teus verdadeiros sentimentos reais
 
Contudo um amor que era muito forte
e desvaneceu assim tão de repente
não há mais nada que o suporte
e nenhuma outra alegria recente
 
E assim retornamos cabisbaixos
até chegarmos ao clube dançante
ao som do caliente mano a mano
 tu me puxastes para teus braços
 
E rodopiamos pelo salão de baile
olhos nos olhos, entrelaces de pernas
 senti toda sua paixão ainda latente
a me envolver no piano que chora
 
Mas próximo ao findar da música
nossos olhos se encontraram
e a despedida final se deu
um longo beijo molhado em lágrimas
foi nosso ultimo adeus.
 
Santos, SP
21/06/06
 
 
Respeite os direitos autorais
 
magabreu@gmail.com
em web
 
Guida Linhares
Enviado por Guida Linhares em 22/06/2006
Código do texto: T180614
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Guida Linhares
Santos - São Paulo - Brasil, 70 anos
1939 textos (158425 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 20:47)
Guida Linhares

Site do Escritor