Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MULHER DENGOSA

MULHER DENGOSA

Sua pele,
transforma,
seduz,
enlouquece e brilha
no calor intenso
de nossa fantasia.

Seu dengo
é a sua arte,
seu corpo é a
escultura natural
do prazer.

Você traduz
toda a doçura
e o sabor do amor,
onde cada curva
de seu corpo
é parada obrigatória
de uma doce
vontade de ser uno
com universo.

Seu delírio
é a canção
que faz bailar
no êxtase de seus
acordes.

Sem você
nada faz sentido,
seu corpo,
seu rosto,
sua arte de amar
é o refresco divino
de mais uma noite
ao seu lado.
poeta da paz
Enviado por poeta da paz em 25/06/2006
Código do texto: T181873
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
poeta da paz
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 61 anos
3694 textos (146774 leituras)
186 e-livros (26764 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 14:55)
poeta da paz