Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pleno amor

Beijei tuas mãos como quem olha portas do céu,
por onde passa toda a voz do mar  murmurante,
florestand'estradas d'encanto entre Deus e eu.
Cântigo absorto me prendeu numa carnada triste,

mas enquant'as asas alvas  se desprendem no ar,
arde uma candeia qu'ignora carne, reluz a alma,
e de penumbra em sombra, no grito mudo a voar,
em seus sonhos de lâmpada veste a rubra chama!

Minha rota é a tua,tua mão meu cajado abrindo
rosais floridos em plena juventude amanhecida,
nosso lar flori no trigal ao sol se alourando,
enquanto meu beijo junco no meio da alvorada!

Minh’alma dorme por ti tantos sonhos remotos
de rios límpidos e rosais rebentando brotos;
estimulam-se outras almas a também dormirem
no colo d'amor pleno e seus sonhos juncarem!

Santos-SP-26/06/2006
Inês Marucci
Enviado por Inês Marucci em 26/06/2006
Código do texto: T182674
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Inês Marucci
Santos - São Paulo - Brasil, 54 anos
584 textos (23409 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 08:27)
Inês Marucci