Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

COMO EU TE AMO!

Gosto daquela sua fragilidade
que de vez em quando você mostra
deitando a cabeça no meu ombro
com seus olhos marejados
quando seu peito parece explodir
e você se agride e desespera
não sabe para onde ir...
Gosto de acolhe-lo, mulher-amiga
acariciar seus cabelos
e ouvi-lo com ternura
enquanto você fala
com seus olhos fitando longe
e me conta a sua amargura
seus segredos que com carinho
guardo-os dentro de meu coração
a sete chaves
e fico a olha-lo, e a ama-lo
frágil figura minha...
Não tenha medo de mostrar sua fragilidade
ela abre espaços dentro de meu coração
e o percebe um homem-menino
e quando isso acontece, gosto de nina-lo
enche-lo de mimos, entende-lo
ficarmos em um silencio cumplice
quando seus lábios me procuram
aflitos e cheios de desejo
Gosto do jeito que você tira a minha roupa
e me olha como uma deusa
enquanto suas mãos a minha pele renasce
deitamos enroscados um ao outro
meus seios em seu peito, pernas entrelaçadas
Sua boca entreaberta que molho com meus labios
esses seus olhos doces... sua expressao parada
faz-me querer o homem e esquecer o menino
e entrego-me inteira e totalmente apaixonada

Mary Fioratti
Enviado por Mary Fioratti em 26/06/2006
Código do texto: T182807
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Mary Fioratti
Estados Unidos
68 textos (8445 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 02:19)
Mary Fioratti