Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Enfim, o Nosso Amor Prevalecerá!


Não chores, por favor, minha querida,
Saiba que a vida é repleta de contratempos,
Frequentemente somos movidos pelos eventos
Que nos são impostos, semelhantes a reféns.

Reféns das situações, das pessoas, dos costumes,
Pergunta-me se de fato devemos nos resignar? Claro que não,
Mas às vezes somos obrigados a recuar um passo ou uma mão,
Para que achemos uma maneira de enfrentarmos os abutres.

E olhe... meu amor... sabes muito bem que são muitos,
Cercam-nos, oprimem-nos, ofendem-nos de todas as maneiras,
Colocam-nos provas de amor, mas teremos almas guerreiras,
A fim de enfrentarmos todas as tribulações e todos os ruídos.

Ruídos de todos os tipos: altos e baixos, finos e graves,
Tais sons que não merecemos ouvir, mas que ouvimos...
Ora... Sejamos um! Sejamos carne, ossos, sejamos sangue!
Sejamos vísceras! Sejamos veias, artérias, sejamos glande!
Sejamos espinhos, lágrimas e acometidos de todos os males!

Mas sejamos um! Com todas as nossas forças e com toda a fé,
Apenas um! Tal ser unitário, sólido, poderoso e obstinado
No amor, tão belo e frutífero sentimento, o qual foi originado
Nos nossos corações e que, certamente, ninguém pode destruir.

Portanto, não chores, minha amada, estou com você,
Na verdade, mais do que isso: eu sou de fato você!
A sua alma é a extensão da minha própria alma,
Então, peço-te que não perca a vossa preciosa calma,
Com as provações que nos são injustamente colocadas,
Pois tudo isso passará, porém o nosso amor permanecerá!!!




Todos os Direitos Reservados pelo Autor.
Fábio Pacheco
Enviado por Fábio Pacheco em 28/06/2006
Reeditado em 29/06/2006
Código do texto: T183587
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fábio Pacheco
Recife - Pernambuco - Brasil
1095 textos (55963 leituras)
10 áudios (233 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 17:05)
Fábio Pacheco