Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Vem!

Me dá tua mão
Vem...
Vamos caminhar
Não chora, eu não fui embora
Acalma tua alma
Vamos conversar
Tu erraste, me magoas-te
Me fizeste sofrer
Eu também errei
Quando precisas-te de mim eu falhei
Não soube te ouvir
Deixei a amargura tomar conta de mim
Me fechei em meu mundo
Com pena de mim
Te deixei no abismo
Misturei dor, ira e ressentimento
Não te deixei falar o que sentias
Me ausentei de ti
Mas agora estamos aqui
Juntos!
Vamos esquecer o que passou
Olhar para o futuro
Olha em meus olhos
Estás vendo?
O amor que neles está
Ele nunca se foi
Está mais forte e profundo
Vem... A dor acabou
O amor a superou
Vem!

***

Inspirado em um e-mail que recebi de uma querida amiga.

***

ÐäMå Ðë ÑëG®ö

Apenas uma mulher que já riu, amou, se entregou e chorou.
Escrevo o que sinto, como sinto quando sinto.
Longe, muito longe de ser uma poetisa sou apenas alguém que sente!

***

Beijos

***
Dama De Negro
Enviado por Dama De Negro em 28/06/2006
Reeditado em 27/05/2012
Código do texto: T183819

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Dama De Negro
São Paulo - São Paulo - Brasil
1890 textos (146142 leituras)
2 e-livros (329 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 20:27)
Dama De Negro