Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Buscando você


 
 
Vou sem medo vestida do amor tão seu,
busco nas ruas, nos mares, nos sonhos sem fim;
pela face do amor que a vida me prometeu,
entrego-me, sou canção nos lábios que proferem
as rimas de velhos versos, no corpo, a paixão...
 
 
Sou o vento buscando pouso com suas asas,
com mãos, tão fortes que me tomam por sua
e que tão bem meu corpo abraçou.
Ah! Pudera entrelaçar minh'alma à tua,
sentir seu corpo nu aquecido pelo meu.
 
 
Toca meus cabelos, descobre os pontos exatos
de uma geografia apaixonada,
faz-me santa no altar onde virtude é apenas um corpo
em fogo queimando em seus braços.
 
 
Pudera estar agora no centro do corpo que quero,
pisar seu chão no banho de chuva,
relembrar que por tantos verões nos lavou,
dançar na musicalidade da hora que pára os ponteiros,
onde o relógio e o tempo são apenas nosso ninho de amor.
 
 
Quem dera ouvisse-me Deus e permitisse-me viver
os momentos que sonhei, sendo sonho,
seriam as nuvens no céu que me ofertaram lançando-me
em luzes nas nuances que desabrocham jardins.
 
 
Sigo então as entrelinhas de mim, são curvas os caminhos
que demarcam a boca que beijei,
busco na noite os lábios onde os meus repousei
para acordar amor no corpo do homem que em desejos, esperei...
 
 
02/06/2006

Aisha
Enviado por Aisha em 28/06/2006
Código do texto: T183917
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Aisha
Jundiaí - São Paulo - Brasil, 50 anos
791 textos (35176 leituras)
1 e-livros (57 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 22:56)
Aisha