Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FACETAS DO SOL

Hoje sem que eu pudesse perceber o sol passou pela minha janela
Quando dei por mim ,ele estava ali fitando minha face.
Sem hesitar , fechei as portas, janelas e finalmente as cortinas.
Mas, você sabe quanto o sol é uma figura insistente??
Percebeu no canto da cortina um pedaço de esperança.
Foi aos poucos aquecendo o cantinho da cortina,
Ultrapassou a fresta e...
Hipnotizou me com o prisma de suas cores ,
No êxtase daquele momento,sem dó nem sentimento,
Possuiu meu corpo,
Rasgou minha alma,
Dedilhou como exímio pianista às fibras deste coração
Mais uma vez, tentei esconder-me
Não havia mais portas
Não havia mais janelas
Busquei abrigo entre as cortinas,elas não estavam mais ali
Veio a chuva,mesmo assim...
O sol insistente
Por mais longe que esteja  da gente
Continuará queimando o coração.
lisbella
Enviado por lisbella em 21/05/2005
Código do texto: T18612
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
lisbella
Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Brasil, 50 anos
345 textos (16838 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 00:33)
lisbella