Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Perdida sem ti

Como é difícil quando comigo tu não estas
O tempo se arrasta
Eu aqui, esperando que tu chegues
Para poder em teus braços estar
Sinto falta do teu riso
Do teu jeito de brincar
Fico perdida sem teu olhar
Sem tuas mãos para me acalmar
Sem teus beijos para minha boca calar
E o tempo não passa...
Queria que sempre fosse noite
Assim tu poderias comigo estar
Eu ouviria o doce tom de tua voz a me chamar
Veria o brilho do teu olhar
Sentiria tua pele crispar com o toque de minhas mãos
Sentira o teu prazer em mim
Te amaria de todas ás formas
Do jeito que gostamos
Te teria inteiro, somente meu
O tempo custa a passar
Eu aqui...
Perdida sem ti

***

ÐäMå Ðë ÑëG®ö

Apenas uma mulher que já riu, amou, se entregou e chorou.
Escrevo o que sinto, como sinto quando sinto.
Longe, muito longe de ser uma poetisa sou apenas alguém que sente!

***

Beijos

***
Dama De Negro
Enviado por Dama De Negro em 02/07/2006
Reeditado em 27/05/2012
Código do texto: T186155

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Dama De Negro
São Paulo - São Paulo - Brasil
1890 textos (146151 leituras)
2 e-livros (329 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 07:05)
Dama De Negro