Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poema 0742 - Vem...




Noite passada não sonhei,
o tempo parou entre o sol e a lua,
as luzes não iluminaram,
a pele estava fria,
as mãos presas no ontem,
os braços longe do corpo.


Não ouço as batidas no peito,
estou descompassado,
tem um vazio do meu hoje,
continuo seu apenas,
como antes, te amo,
espero até mais à noite, traz o desejo...


Deixa um recado,
se possível um pedido,
uma promessa,
faz-me surpresa e vem,
suas roupas estão pela casa
os olhares, o perfume, estão aqui,
até eu e o amor que é só seu.


07/07/2006


Caio Lucas
Enviado por Caio Lucas em 07/07/2006
Código do texto: T189256
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Caio Lucas
São Paulo - São Paulo - Brasil, 68 anos
4429 textos (116250 leituras)
1 e-livros (166 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 14:41)
Caio Lucas