Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O SONHO










O amor que eu sinto agora,
É tão puro feito névoa,
E me faz doer a alma,
Me aumentando a ilusão.

Ele nasceu de um sonho,
Eu não posso interferir,
Por uma mulher tão bonita,
A quem não pude resistir.

Sorrindo acordo apressado,
Apanho um bloco em meu criado,
E começo a versejar.

Esse sonho que eu tive,
Me encanta o coração.
Tenho que coloca-lo em versos,
Para me aplacar a solidão.

Gilberto Feliciano de Oliveira
Enviado por Gilberto Feliciano de Oliveira em 08/07/2006
Código do texto: T190220
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gilberto Feliciano de Oliveira
Araguari - Minas Gerais - Brasil, 61 anos
75 textos (8104 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 20:20)