Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poema 0749 - Boa-noite amor




Hoje quero apenas uma luz,
dos teus olhos até refletir
na minha alma nua.


Deixa um beijo somente, na boca,
o gosto puro da paixão
que aguça meus desejos.


Desenrole o lençol do corpo,
quero teu nu exposto,
como a lua limpa no céu.


Encoste tua boca na minha,
quero sentir o hálito de prazer,
provoque, volte e me abrace.


Deita teu corpo lentamente sob o meu,
me arrasto,
a língua macia e desejosa do teu gozo


Risca meu tórax de saliva,
feche os olhos e caminha devagar,
corpo abaixo, bem abaixo.


Lambe devagar, caminhe,
faz-me conhecer o céu,
até lambuzar teus dentes brancos.


Toco teus seios, os mamilos,
faço-os pontiagudos,
para que minha língua os afronte.


Venha, estou a caminho do delírio,
acompanhe-me sem vergonha,
acenda as luzes, solte os relâmpagos.


Recoste teu corpo sobre o meu,
sussurre um carinho,
deixa a paixão ir e o amor voltar.


12/07/2006
Caio Lucas
Enviado por Caio Lucas em 12/07/2006
Código do texto: T192583
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Caio Lucas
São Paulo - São Paulo - Brasil, 68 anos
4429 textos (116253 leituras)
1 e-livros (166 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 22:57)
Caio Lucas