Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Te enganas


Te enganas, se pensas que existe
dor e solidão na primavera...
pois em cada canto de ave ou em cada  flor,
ouço aquela voz...vejo aquele  olhar .
É como uma quimera....

Te  enganas , se pensas que
estou a chorar ainda  aquele amor...
Pois o acaso   faz a   festa,
invento prosa, arrisco trilhas  novas.
Dou meus volteios, encaro  os atalhos -
nova situação que chega   com calor.
Mais além  não posso expor...

Te enganas  se pensas que choro em desespero,
pois a vida traz consigo muitos meios,
de sentir a  fantasia  ,  se ser  feliz  ,capaz.
Então... é  chegada a primavera.
Com ela   há mais   sons e coloridos.
Estão sempre  presentes aos olhos e ouvidos...
Atenta estou aos passos e sentidos.

Te enganas , se pensas que estou na solidão,
pois quem faz meus ideais e minhas ninharias,
é este  a quem não mando, são tantas fantasias.
Vive de  sonhos , castelos em  areias e magias...
Letras , perfumes ... até uma cantoria...
É bem  volúvel como todo coração.

Te enganas... sabes que tiveste
neste meu  lado esquerdo,
Todo o carinho  e o maior apreço
mas  entendemos que ele não tem dono...
Voa livre como  passarinho  pois é poeta.
E todo coração poeta vive  em festa.
Na alegria, na dor ou  no  abandono...

luferretti
Enviado por luferretti em 13/07/2006
Reeditado em 10/08/2006
Código do texto: T193426
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
luferretti
Limeira - São Paulo - Brasil
367 textos (13119 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 01:56)
luferretti