Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

EU

Eu,
Dizem? Não dizem.
Perguntam? Não, não perguntam.
Vêem? Não vêem.
Lembram-se? Não se lembram.
Sou, mais quem?
Cabelos sobre os olhos tímidos
E um jeito triste de olhar
Sem amor,
E um jeito alegre de cantar com furor;

Eu,
Amam? Não, não amam.
Mas eu vibro com a dança
E um belo cruzeiro no céu,
Uma grande festança,
Meus lábios com mel,
De repente sou uma criança,
Preso à você por um anel,
Uma aliança;

Eu,
Abandonam? Sim, abandonam.
Desprezam? Sim, desprezam.
O céu,
O mar,
Seus lábios de mel,
Seu olhar,
A lua,
No lençol,
Você nua,
O vento,
A brisa,
O pensamento
Avisa:
“a gente não escolhe um amor, o coração decide por si”;

Todos querem me ver longe de você? Sim, querem.
Querem que eu morra? Sim, querem.
Mas nosso amor é infinito, e eu te amo
E você também;

Você,
É tudo para mim? Sim, você é tudo.
E eu? Eu posso sonhar,
E eu sonharei eternamente contigo
Na nossa realidade
E para sempre te amarei.
Damaso
Enviado por Damaso em 19/07/2006
Código do texto: T197108
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Damaso
Rio Manso - Minas Gerais - Brasil, 34 anos
326 textos (17039 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 18:20)
Damaso