Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Quanto

 Quanto vale a vida?

Depois do primeiro beijo dado

Da última carícia trocada

Depois do amanhecer?

 

Não mais do que o suspiro

De uma pessoa realmente apaixonada

Pela vida, por você menina

Que insiste em brincar

De não me querer

 

Talvez por ter me exposto demais

Talvez por achar ser capaz

De te fazer minha

Egoísta por pensar assim

Que o que é meu poderia ser nosso

 

Agora fico pensando o que realmente seria

Se fossemos um, cúmplices no amor

Sem barreiras, medos ou entraves

Sem a ânsia de viver para o mundo

E sim para nós

 

E me brota uma esperança

De que teus olhos, apertados

Olhem com ternura de novo

Querendo-me, me desejando como antes

Enchendo-me o coração, iluminando a vida

Mas você insiste em não sentir...

Chico Piancó Neto
Enviado por Chico Piancó Neto em 21/07/2006
Código do texto: T199049

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Chico Piancó Neto
Fortaleza - Ceará - Brasil, 38 anos
91 textos (4422 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 12:43)
Chico Piancó Neto