Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Olhar

Suplico-te!

 

Diz-me que mistérios

escondes por detrás

desse olhar.

 

Conta-me que histórias

guardas no recanto

desse olhar.

 

Sopra-me as palavras

não ditas que entendo

nesse olhar.

 

Deixa-me mergulhar na

vasta imensidão

desse olhar.

 

Pois quero perder-me!

 

Perder-me nos

recônditos da alma

imensa que esses olhos

espelham;

 

Perder-me na

escuridão amena que

teus olhos me acenam;

 

Perder-me nas

profundezas de um

amor sonhado,

pensado, ansiado e,

por fim, sentido e

partilhado.

 

E, então,

encontrar-me.

 

Decifrados

os enigmas…

Revelados

os mistérios…

Desvendados

os segredos…

 

juntos,

navegamos

no oceano

desse olhar.

António CastelBranco
Enviado por António CastelBranco em 24/07/2006
Código do texto: T200598
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
António CastelBranco
Portugal, 56 anos
57 textos (1698 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 01:59)
António CastelBranco