Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um caso de amor.

Por quê me deste tão docemente
E despretensiosamente
A flor dos teus inocentes anos?
O que havia em minha magia
Que te fez um dia
Apaixonar-se por mim?
Olhos pedintes de cão vadio
A suplicar pelo teu cio.
Narinas ansiosas pelo odor
do teu desejo.
Coração escancarado.
A pele exposta para te cobrir
Em agasalho de afetos.
Loucos, desvairados
Absorvemos toda esta intensa insanidade...
Grudávamos nossos corpos em gosmenta cola
De tépidas e deliciosas secreções
E em espasmos tsunâmicos
Nos possuíamos em frenéticos orgasmos
E dormíamos, então, em sensual amplexo.
Eu te perseguia qual um leão faminto
à lépida gazela.
E tu fingias fugir para assim excitar-me.
Gastamos e esbanjamos toda a volúpia 
De uma insana paixão.
Demo-nos um inesquecível tesouro,
Um longo abraço, um beijo
Demo-nos adeus...e só! 

Ilustração: Os amantes. De R. Magrite.

Edmar Claudio
Enviado por Edmar Claudio em 25/07/2006
Reeditado em 25/07/2006
Código do texto: T201853
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Edmar Claudio
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil
217 textos (25400 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 02:21)
Edmar Claudio