Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A CARRUAGEM DE OURO.

O caminho está desempoleirado,
Entre as arvores está em sombras
Os faceiros passageiros vivem
Sob véu de alegria e regozijo,
Que tem jeito abaianado,
Que tem temperamento,
Modos de baiano.

O caminho está com som,
O coral de meninos cantando
Em uníssono da Ave-Maria,
As arvores faziam ressonante
Com que ajuda o adjuvante,
Com compasso, ritmo e rimas.

O caminho está desimpedido
Está bento e abençoado
Pelas mãos do Senhor,
Anjos  e dos arcanjos,
Por que vai  passar
A Deusa parteira
O nascedouro meu a amor,
A Jóia embrenhada diamantes,
O lugar reservado no coche,
O lugar reservado no meu coração,
Na carruagem do ouro.

(D’Eu)
Sidnei Levy
Enviado por Sidnei Levy em 28/05/2005
Código do texto: T20327
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Sidnei Levy
Campinas - São Paulo - Brasil, 71 anos
298 textos (20819 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 01:20)
Sidnei Levy