Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NADA MAIS QUERO

Com toda força que dispunha,
me empenhei para
que este amor
não terminasse,
para que nada de nós
fosse perdido,
ao longo desta jornada.

Com desvelo,
tentei transformar nossas vidas,
para poder extirpar
as coisas ruins,
evitando assim,
a aproximação da cruel aflição.
Fútil a minha pretensão...

E foi assim,
e assim tem acontecido,
noites sem fim
completamente vazias,
nada existindo a não ser
um festival de nostalgias.

Entreguei-me
na miragem de teus abraços,
e desatento esqueci até de mim.
Por fim, tornei-me um
viajante perdido no tempo,
tempo pertinaz mas,
de ninguém...

Que tolo fui,
pensei que fosse eterno
o que nos unia,
assim como o meu
perpétuo agora,
que grita que nunca
esquecerei de ti.

Atente,
Esta foi a forma
que encontrei,
para expressar com
a simplicidade de minhas palavras
que eu te amo...

Contudo,
nada pode impedir
que eu seja sufocado
pela saudade.
Não consigo dissipar
este desejo, esta vontade
que tenho de você
por lhe querer,
mas,nunca estás...

Por favor, não me deixe,
mesmo que seja
somente em sonhos,
nada mais peço
nada mais quero...





















"A
Wil
Enviado por Wil em 28/07/2006
Código do texto: T203835
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Wil
São Paulo - São Paulo - Brasil, 81 anos
2613 textos (84523 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 10:14)
Wil