Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Metades

Metades que se completam
opostas e iguais,
tambem em mim.
O ódio é o próprio amor
Não tem princípio nem fim...
Chamam-no alguns : vingança;
Outros o chamam terror;
Denominam crueldade
Ou simplesmente: desamor;
Sua mãe chamaram fome
Seus irmãos: miséria e dor
A seu pai não deram nome
Pensaram que fosse, amor!
Liane Furiatti
Enviado por Liane Furiatti em 29/07/2006
Reeditado em 20/01/2009
Código do texto: T204598
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Sobre a autora
Liane Furiatti
Curitiba - Paraná - Brasil
776 textos (34946 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 03:57)
Liane Furiatti