Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Migalhas de Amor

Migalhas,
Parece que tudo que recebo de você agora, são migalhas
Divididas entre tantos
Pra mim enfim o que resta?
Fragmentos
E eu aqui esperando
Só por você,
Me sinto boba.
Tendo hora marcada
Pra receber as migalhas de amor que me oferece
Por mais ânsia que eu tenha...
Chove lá fora agora e eu aqui sentada à mesa navegando em minha insólita solidão dos pensamentos,
Tenho que me submeter as suas vontades
Por pequenas migalhas do seu afeto,
Eu que te dou tudo por inteiro,
Que me dou por inteira,
Recebo apenas fragmentos de paixão e amor,
Choro por dentro, porque nem lágrimas tenho mais,
Porque queria te ter sem hora marcada pro começo e fim,
Sem dia determinado
Sem que esperasse dias à fio
Por momentos com você
É insuportável essa angùstia
O amor agora dói,
Dói tanto que me sufoca,
Porque não dói em migalhas
Dói por inteiro, do jeito que sempre me entrego a ti.
Priscilia Nascimento
Enviado por Priscilia Nascimento em 29/05/2005
Código do texto: T20575
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Priscilia Nascimento
Recife - Pernambuco - Brasil, 35 anos
222 textos (24431 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 13:44)
Priscilia Nascimento