Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CONGESTIONAMENTO!

Segunda feira, todos voltando de viagem,
E eu, justamente no congestionamento da cidade,
Ia Começando a minha!

Pensamento fixo no trabalho,
CD tocando Tim Maia, estava tão entretido
na música que, nem havia percebido o carro do lado.
No carona uma morena linda, olhos negros,
Boca e seios fartos, no volante um senhor,
Percebi que os olhos dela,
Já haviam procurado os meus.

Senti um breve sorriso, 
Caramba e agora? Será o marido?
Será o pai? Irmão talvez ou seria um namorado?
Foram tantas as perguntas,
Que fiquei sem saber o que fazer, 
Sem saber o que dizer...
Mas, tinha de fazer algo, qualquer coisa,
Desci o vidro do carro, 
Olhando pra ela articulei,
Que saco de congestionamento! 
Ela sorriu com um sorriso mais intenso,
Olhou para o senhor que estava ao seu lado,
Voltou os olhos em minha direção,
E numa mistura de gestos e boca disse: 
Eu estou... Com as mãos, fez um coração!
Sorriu mais uma vez, o trânsito fluiu, 
De repente o congestionamento se desfez,
E pela primeira vez, 
Achei que ficar preso num congestionamento,
Tem o seu lado bom,  estava achando até gostoso
ficar ali parado, no CD, Tim Maia  com o som
bem alto cantava: Sou feliz agora,
Não, não vai... Embora, não!


paulo cesar coelho
Enviado por paulo cesar coelho em 31/07/2006
Código do texto: T205920

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
paulo cesar coelho
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil
2587 textos (469547 leituras)
57 áudios (6063 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 18:14)
paulo cesar coelho

Site do Escritor