Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto


ATALHOS
 
 
Quando a incerteza corrói o sentimento
na profunda imensidão do vazio,
os pensamentos são sombras
que choram a angústia do desalento.
 
O tempo, indiferente
não se cansa
nem descansa
e neste escoar incessante
apaga da lembrança
os sonhos combalidos
nas amarras da solidão,
onde os amores acabam esquecidos
ou, perdem o sentido.
 
Pode ser que em um outro caminho,
ou no atalho de um sorriso,
quem sabe, num toque sutil do destino,
ele retorne transmutado,
revestido de saudades
e em meus ombros queira repousar…
 
Nas minhas mãos depositar
todo seu cansaço…
Que venha com a sinceridade
espelhada no olhar
e nos lábios, um sorriso tímido,
qual homem menino
no meu corpo deitar
e suavemente, desaguar
toda a ausência
no abrigo de um abraço.
 
2006
Anna Peralva
Enviado por Anna Peralva em 02/08/2006
Reeditado em 11/06/2011
Código do texto: T207875
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Anna Peralva
São Gonçalo - Rio de Janeiro - Brasil
1582 textos (60700 leituras)
3 e-livros (572 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 18:29)
Anna Peralva