Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Paradoxal

Amo você...
na ponta dos pés para não acordar o sonho
mas envolta no amarrotado dos nossos lençóis
bebendo gulosamente o cheiro de nós dois...
 
Amo você...
Sem confessar para que as estrelas não nos invejem
mas emprestando da lua a sua intensa poesia
 tecer um verso com batom na sua boca tão minha...
 
Amo você...
Suavemente como a pétala da rosa pela brisa derrubada
com a fúria da tigresa que quer voce e mais nada
e com felinos e largos passos embrenha-se na caçada...
 
Amo você...
Com a ternura do anjo que lhe acaricia a alma desencantada
e com a fúria da mulher indócil que busca teu corpo
fascinante cavalo selvagem, que adrede quer cavalgar...

Tere Penhabe
Santos, 02.11.2005_11:30 hs
Tere Penhabe
Enviado por Tere Penhabe em 03/08/2006
Código do texto: T208451

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Tere Penhabe
Santos - São Paulo - Brasil, 61 anos
252 textos (25814 leituras)
5 áudios (601 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 00:40)
Tere Penhabe