Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PAIXÃO ALUCINANTE

Venha cá, estou te esperando
Não deixe-me ficar só nas fantasias
Sei que a ninguém está amando
E eu quero te amar, te dar alegria.

Te dar um mundo que nunca teve
Mas sei que este mundo muito o quer
E longe de ti ele não está
Para satisfazer teus devaneios de mulher.

És bela, pura, uma doce meiguice
Não as deixe se desperdiçar
Entregue-as a quem muito te quer
Não tenha medo, deixe se amar.

Terá teu rosto admirado
Teu sorriso meu doce encanto
Todo o teu corpo, o meu o deseja
Venha fazer parte de meu recanto.

E este meu recanto é exótico
Um exotismo exuberante
Foi construído para se amar
Um amor sempre constante

Nele tem uma bela penumbra
Objetos excitantes para nos extasiar
E neste êxtase que viveremos
Que o mundo existe, não iremos lembrar.

Só nossos corpos existirão
Nossas mãos levianas a nos tocar
Teus seios, tua boca, toda você
Que também de mim o mesmo fará.

Sei que me ama, que muito me quer
E sei também dos teus receios
Também sabe que te quero
Então não tens motivo para nada temer.



                     * * * *


Para se ter virtudes, é preciso usar nossas atitudes, para ao próximo amar, elogiar os seus acertos, mas também aos seus erros perdoar.




Direitos autorais reservados ao autor, poesia e frase.



Tonydicapri
Enviado por Tonydicapri em 03/08/2006
Reeditado em 04/08/2006
Código do texto: T208549

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Sobre o autor
Tonydicapri
Teófilo Otoni - Minas Gerais - Brasil
200 textos (57544 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 20:54)
Tonydicapri