Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Nada lhe perguntei: (dueto)


Nada lhe perguntei
apenas atendi seu chamado
por esta razão estou aqui
agora diga o que você quer
sem brigas sem cobranças
as cenas de ciúmes acabaram
e você sabe porque digo isso
pois nosso ultimo encontro
você só me fez acusações
sem me dar o direito de defesa
deixando-me fora de sua vida
porque agora tu me chamas...

Eu chamei você
porque eu preciso muito
pedir perdão por tudo que fiz
te acusei sem nenhuma razão
eu sei o quanto, eu errei
por isso te peço uma chance
para que eu possa me explicar
e me redimir de meu erro
eu estou em suas mãos
agora é você quem decide
se eu mereço ser perdoada.

vovonei & Neli Vera Mattos
Balneário dos Prazeres: 1999

Volnei Rijo Braga
Enviado por Volnei Rijo Braga em 04/08/2006
Código do texto: T208672
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Volnei Rijo Braga
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 69 anos
2314 textos (147458 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 02:06)
Volnei Rijo Braga