Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AS NOITES DE SETEMBRO

As Noites de Setembro

Olhar para o céu nas noites de setembro é diferente.
As raras estrelas que surgem noite à dentro,
Com seu ofuscado brilho;
Parecem procurar alguém.
O céu pintado por branca tinta,
Que mais parece lágrima de saudade,
Rasgando o infinito.
O luar de tão brilhante,
Ilumina a terra, buscando por você.
Nas noites de setembro;
O sussurro do vento clama por seu amor,
A brisa fria da noite se debruça sobre a relva,
Num desespero de saudade.
A lua chora a solidão.
E acordada, sinto sua falta;
Porque estás distante dos meus olhos,
E tão presente no meu coração.

*Esta poesia faz parte do Livro Simples Poesia publicado pela Editora Protexto. Tendo todos os direitos autorais reservados.
Anne Monteiro
Enviado por Anne Monteiro em 04/08/2006
Reeditado em 17/04/2008
Código do texto: T209238
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Anne Monteiro
Igarapé-Miri - Pará - Brasil, 41 anos
190 textos (63893 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 02:27)
Anne Monteiro