Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poema 0777 - Estrada




Não existia um amor no fim da estrada,
eram apenas curvas empoeiradas de uma saudade,
o vento passou vazio entre meus braços,
nenhuma luz, nenhum sentimento, nenhum sol.

 
Marquei um encontro depois do arco-íris,
levei meu corpo, esperei outro desigual,
procurei a sorte perdida no meu vazio de amor,
seguindo uma trilha traçada por um sentimento qualquer.

 
Para falar de amor vou subir no topo do mundo,
fazer uma ponte entre eu e aquela mulher,
partir meus desejos em dois,
dividir até o horizonte que o sol doura à tarde.

 
Seguirei pela montanha mais alta, até perto do céu,
deixarei a cada passo um rastro visível,
algumas cores pintadas na porta por onde entrar,
quando sentir saudade, vem fazer amor...


07/08/2006
Caio Lucas
Enviado por Caio Lucas em 07/08/2006
Código do texto: T211285
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Caio Lucas
São Paulo - São Paulo - Brasil, 68 anos
4429 textos (116244 leituras)
1 e-livros (166 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 14:25)
Caio Lucas