Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Nós

Lembro-me da ponte
aço prata, concreto branco
cenário duro e frio de uma cidade grande

quando a noite chegou
trouxe consigo o luar
mais prata que o aço
e a noite mais escura
do concreto se fez

algo de doce surgiu no firmamento:
um carro veloz, que descia com o vento
ao som da canção
eramos nós
que depois de tanto sermos sós
desatamos de dentro tantos nós

então a noite mais quente se fez
pro luar perfeito ser,
na ponte branca, leve, solta
dois seres loucos
dançando soltos
ao som da canção - da Legião

eramos nós
eu e você
atados, maravilhados
com o que estava para acontecer
o mundo não mais era distante e frio
e nem mais precisavámos de pontes
pra começar a emudecer

eramos nós
enlaçados um ao outro
cantando numa só voz
o que de lindo havia no mundo
era esta a poesia que se fez...

do dia que te conheci,
um presente pra mim,
presente em tantos momentos,
juntamos então nossos presentes
pro futuro que começa agora...

presentes que ganhei
e que muito mais que quero te dar...
Adriana Alves (Poetisa Lancinante)
Enviado por Adriana Alves (Poetisa Lancinante) em 10/03/2010
Código do texto: T2130993

Copyright © 2010. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Adriana Alves (Poetisa Lancinante)
São Paulo - São Paulo - Brasil, 46 anos
77 textos (1928 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/05/17 06:06)
Adriana Alves (Poetisa Lancinante)