Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Potira( pedido de um amigo p/ ofertar a namorada)

A minha bela Potira
que em mim desperta paixao
tirou do Sol o seu brilho
roubou da lua o clarao.

Correndo na mata virgem
cheirando a flores silvestres
tao nua, linda e selvagem
soh seus cabelos a vestem.

Num regato cristalino
vai a sede saciar
e o seu corpo pequenino
nas aguas vai refrescar...

Com uma flor perfumada
os seus cabelos enfeita
e olhando as nuvens que passam
na relva verde se deita...

Com que sonhara Potira,
linda deusa da floresta
que com seu silencio tira
da mata o seu ar de festa?

Esse seu olhar matreiro,
com um nao sei que, de malicia,
traz ao seu rosto trigueiro
um nao sei que, que enfeitiça...

Oh, doce indiazinha virgem,
que deixa meu sangue ardente...
eu tambem viro selvagem,
se a encontro, de repente!
Arianne Evans
Enviado por Arianne Evans em 02/06/2005
Reeditado em 02/06/2005
Código do texto: T21557
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Arianne Evans
Curitiba - Paraná - Brasil, 66 anos
695 textos (57309 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 02:01)
Arianne Evans