Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Da carne... do poeta...da poesia

Da carne fez-se o poeta humano de sonhos
Do sonhar da poesia que declama só por si
Do poema que alimenta o poeta de carne...
de sonhos, de estrelas... de sons que nem se pode ouvir!

De cantos e de rastros e laços e contos...
De amores da carne dos sonhos nunca sonhados
Do poeta que poetiza a poesia grande e santa
Que reveste virgens anjos de desejo e pecado!

E de repente fez-se poeta apenas de carne
Da carne dos sonhos vinda da pura poesia
Que de tantos... de tão grande fez-se pequena
De encantar o coração de quem tolo a lia!


dhália
Enviado por dhália em 16/08/2006
Código do texto: T217511
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
dhália
Salvador - Bahia - Brasil
238 textos (5113 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 16:17)
dhália