Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sonhos

Embebedada de esperança
Agia como criança
À luz do teu olhar
Ao brilho do teu sorriso
Amei e confessei meus sonhos
Puras fantasias associadas à tua imagem
Contemplei noites afim o luar
Era só tua e de mais ninguém
Destinei palavras esboçadas em papel
Versos em tom de poesia
Que para ti sempre foram vazias
Ilusões criei para além da realidade
Abdiquei do mundo em prol da felicidade
Que encontrei na minha forma de sonhar
Pura e dura simples de amar
Abdico hoje desse amor em prol da dor
Sentimento que murchou dentro de mim a única flor
Que um dia desabrochou sem medo de suas pétalas mostrar
Abdico com receio de sofrer mais e mais
Abdico por não ser capaz de conviver com isso
Abdico por ser grande e incontrolável
Abdico por ordem do destino
Mas acima de tudo, abdico por força do próprio amor
LDias
Enviado por LDias em 16/08/2006
Código do texto: T217603
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
LDias
Moçambique, 35 anos
52 textos (3165 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 11:10)
LDias