Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Toda vez...


Quando começo a te amar
Começo a me encantar
De novo com a vida
Como se a vida, imprecisa
Decidisse novamente
Começar, de repente.

Quando começo a te amar
Parece que se foi
Ontem acabou sem avisar
Uma noite de alegria que dói
Uma dor de nunca mais se olhar
Que machuca e corrói

Quando começo a te amar
Eu nunca te amei
Mas de uma coisa eu sei
Você sempre esteve a perambular
Nos horizontes que esperei
Um dia espraiar

Quando começo a te amar
Te amei mil vezes
Sem relance ou menor vagar
Das horas, dias e meses
Séculos do amor sem fim
Que se renova dentro em mim

Quando começo a te amar
Algo termina de acabar
Algo que eu não sei dizer
Algo que incalculavelmente vai se perder
Toda vez que começar o amor
Toda vez que o dia se for...
Mar de Oliveira Campos
Enviado por Mar de Oliveira Campos em 18/08/2006
Código do texto: T219621
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Mar de Oliveira Campos
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
77 textos (5348 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 02:40)
Mar de Oliveira Campos