Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Canção das Casuarinas

O vento sul chega sempre intempestivo
soprando todas as flautas dos Andes,
excitando o mar, desnorteando os cata-ventos,
despojando os hibiscos da recente floração,
instaurando o caos na imensidão marinha
enquanto as ondas tamborilam sobre a pele da areia.

Estende seu domínio pela praia,
varre, verga, violentando as vielas
com vigilância voraz:
Despeja os ninhos das ramagens,
uiva nas janelas,
arremessa fúria contra as portas
invadindo a insônia e a solidão
de quem guarda território...

O vento sul não poupa sua ira,
grita, enlouquecido nos telhados,
com furor de sonora rebeldia,
investe contra a margem
derramando-se em líquido rumor.
Arrebata o silêncio das pousadas
impondo um torvelinho de sons
à  monotonia da aldeia.

Nessas noites de orquestração tempestuosa,
delírio de vocábulos indecifráveis,
o mar ameaça tomar o continente,
o vento sul instaura seu regime
de desordenada sonoridade
com naipes de oboés desconsolados
e clave febril de violoncelos.

Há inquietação territorial nas dunas,
procissão de folhas pelas ruas.
A fragilidade dos telhados
não resiste as investidas
de invisíveis arremessos.
Parece infindável o mandato
opressor da ventania,
a sentença que desfere o vendaval.

Mas, em plena desordem musical,
enquanto uiva o lobo da montanha
e o mar açoita seus tambores pela orla,
enquanto o caos sonoro atormenta a noite
desprovida de estrelas,
as casuarinas se insurgem
em pleno temporal
e exercitam seus violinos
que cantam para ti.


Vaine Darde
Enviado por Vaine Darde em 19/08/2006
Código do texto: T220545

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Vaine Darde
Capão da Canoa - Rio Grande do Sul - Brasil
543 textos (83356 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 02:48)
Vaine Darde