Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Amo minha Pró

Numa fazenda morava,
Uma menina que na brincadeira,
Corria pela ribanceira,
Sempre toda faceira...

Moça pobre do interior...
Aonde passava, causava furor.
Tinha muita pureza,
Mas também beleza!

Era muito desvairada,
Bonita moça prendada.
Com sentimento de fraternidade
Ajudava toda irmandade.

Numa tarde seca de sábado,
Aconteceu um fato inusitado.
A natureza pediu clemência,
E um milagre aconteceu...

Veio uma luz incandescente,
Ficou tudo reluzente,
Começando logo a chover...
Daí nasceu um pé de muçambê

E o cheiro da flor se exalou...
Virou fonte do saber..
Obrigado minha Pró!!!
Por me ensinar a amar você!
Zedio Alvarez
Enviado por Zedio Alvarez em 23/08/2006
Reeditado em 18/10/2008
Código do texto: T223149
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Zedio Alvarez
Petrolina - Pernambuco - Brasil, 59 anos
3324 textos (117331 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 18:16)
Zedio Alvarez