Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poema 0793 - Volta




Voltarei qualquer noite, qualquer hora ao meu coração,
não que não te queiras, que não me queiras,
falarei de amor no silêncio desta noite,
como em todas as outras que falei de ti.


Deixo aqui a sombra dos passados dias tristes,
dos sorrisos disfarçados de alegria,
um pensamento qualquer que não de ti,
deixo-te brutalmente agora, pra voltar mais amor.


Caminha lento este tempo em que sonho,
temos ruas simples, mas nossas, como os corpos,
o sorriso franco depois de um simples toque de mão,
como a lágrima que corre o rosto em silêncio.


Voltarei como em todas as noites,
voltarei todas as paixões, céus, atenções,
voltarei como alguém que nunca partiu de ti,
voltarei vida minha, vida tua, volto mais amor.


24/08/2006
Caio Lucas
Enviado por Caio Lucas em 24/08/2006
Código do texto: T224060
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Caio Lucas
São Paulo - São Paulo - Brasil, 68 anos
4429 textos (116253 leituras)
1 e-livros (166 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 18:57)
Caio Lucas