Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto



Encontrei-te,
sem te ter tocado!
Acariciei-te,
sem que sentisses,
a textura da minha pele,
roçando na tua!!

Falaste,
de um amanhã,
que existe,
e respondi-te ,
com poesia,
sempre triste!

Falaste-me,
de pássaros da noite
murmurando,
Disseste-me,
que nao devia desistir,
do Mundo,
mas seguir acreditando,
e sempre, sempre sorrir!

Falei-te,
dos meus medos,
dos meus receios,
dos meus segredos,
dos meus anseios!

E,
durante horas,
o tempo parou!
Parou,
em nós,
e nesses momentos,
demos conta,
que afinal,
não estavamos,
assim,
tão sós!!

Não sei,
se foi somente ilusao,
ou apenas miragem,
quando senti,
que existia...
alguém na "outra margem"!

Na noite em que te falei
nos meus sonhos irrequietos,
senti leveza na alma,
e confesso,
que despertei,
na minha nova alvorada,
com uma bela,
e estranha calma!!
Aguarela Matizada
Enviado por Aguarela Matizada em 24/08/2006
Reeditado em 04/01/2010
Código do texto: T224405

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Aguarela Matizada
Brisbane - Queensland - Austrália, 57 anos
266 textos (10830 leituras)
8 áudios (206 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 12:29)
Aguarela Matizada